À Prova de Phishing by Wizink: higiene digital

Fica a conhecer os 12 mandamentos que deves ter sempre em conta para protegeres os teus dados.

Higiene Digital - À Prova de Phishing by Wizink

28 Novembro 2023

A proteção dos teus dados começa com uma boa higiene digital

Ou seja, existe um conjunto de regras imprescindíveis que deves sempre seguir, e que estão relacionadas com a utilização dos teus dispositivos, com a forma como navegas na internet e com a proteção que fazes dos teus dados, sobretudo dos mais sigilosos ou confidenciais. 

Higiente digital ou cibernética

A agência europeia para Cibersegurança afirma que a nossa higiene digital ou cibernética é peça chave para mantermos a nossa informação em segurança. Semelhante à higiene pessoal, significa que devemos manter certas rotinas para nos protegermos ou minimizarmos os riscos de ameaças cibernéticas, como o Phishing ou Malware, por exemplo.

Por outras palavras, apesar das empresas, e muito em particular os bancos, trabalharem com sistemas robustos, com regras muito apertadas de segurança, para manter todos os dados dos seus clientes seguros, é também responsabilidade de cada um de nós, enquanto indivíduos, proteger os nossos dados, sobretudo os sigilosos, e para isso há princípios básicos a seguir.

Os 12 mandamentos da proteção de dados e da higiene digital

Deixamos aqui, em jeito de lista, para que não os esqueças!

  1. Faz as atualizações aos teus dispositivos, assim garantes que usas as versões mais recentes, que podem eliminar ou corrigir eventuais falhas de segurança.
  2. Ativa o bloqueio dos teus dispositivos e não os deixes à mercê de terceiros.
  3. Cria palavras-passe fortes – quanto mais indecifráveis melhor – e altera-as regularmente (por exemplo, a cada 3 meses. É uma boa prática!) Uma dica? Não uses as mesmas palavras-passe para todos os teus acessos.
  4. Apaga periodicamente cookies e ficheiros temporários. Para facilitar, podes configurar o browser (navegador) para o fazer automaticamente.
  5. Faz log out para sair de uma plataforma. Se quiseres deixar de navegar, por exemplo, na área privada do teu banco ou numa aplicação, deves usar o botão “Sair”.
  6. Acede aos canais digitais dos bancos apenas através dos respetivos sites oficiais, digitando o endereço no teu browser (navegador) ou através das respetivas Apps, instaladas no teu telemóvel, seeeempre através das lojas oficias.
  7. Não uses os wi-fi públicos para operações com dados sensíveis ou confidenciais. Por exemplo, consultas no homebanking ou compras online em que usas os dados do teu cartão, nunca devem ser realizadas com recurso a redes públicas de wi-fi. 
  8. Desativa, se não está a usar! Mantém desligadas as ligações de wi-fi, bluetooth e geo-localização quando não as estiveres a utilizar: se não estás a precisar, não precisam de estar ligadas!
  9. Atenção ao que contas nas Redes Sociais. É muiiiiito fácil ter acesso à tua vida. O ideal é não aceitar toda a gente como amigo… ou ter um filtro; rejeita amizades com desconhecidos e não cliques em posts ou mensagens privadas com links suspeitos.
  10. Desconfia de mensagens alarmistas e a pedir ação urgente - a ação mais prudente é eliminar: não cliques, não respondas e não reencaminhes para terceiros. Se quiseres confirmar que está tudo OK com a tua conta ou cartão, entra nos canais digitais do banco ou contacta o banco por telefone, usando apenas os contactos do site oficial ou os que estão no teu extrato, por exemplo.
  11. Compra online sempre em plataformas seguras e da tua confiança e não guardes os dados de pagamento - pode ser prático para voltar a usar mais tarde, mas é menos seguro.
  12. NUNCA partilhes os teus dados confidenciais, como palavras-passe ou códigos - como aqueles que o banco te envia por SMS, por exemplo - com terceiros (mesmo que te digam que são do WiZink; se tos pedem é porque não são!).

Vê todos os temas abordados no espaço À Prova de Phishing by Wizink, no T3, na RR.

Porque o Phishing não acontece só aos outros!

Sabe mais em Segurança na Internet e nos artigos relacionados que te indicamos nesta página.

O WiZink NUNCA

Pede dados confidenciais como, por exemplo, palavras-passe ou códigos, por email, sms, outro tipo de mensagem escrita ou chamada telefónica. Se te pedem estes dados, por estas vias, não somos nós!

Os códigos que recebes por SMS, são códigos de segurança (autorização ou autenticação) e servem exclusivamente para validar operações online, iniciadas por ti, de livre e espontânea vontade, em plataformas seguras e da tua confiança.